PREVISÃO DO TEMPO
COTAÇÕES
Coronel Fabriciano
Min: 23C   Max: 33C
Ipatinga
Min: 23C   Max: 33C
Santana do Paraíso
Min: 22C   Max: 31C
Timóteo
Min: 22C   Max: 33C
Cadastre-se
Redes Sociais 
 
Cidades
02/09/2008 - 00:00

  Cursos gratuitos já funcionam em cidades da região


Estado inicia nova fase do Programa de Educação Profissional (PEP) para estudantes de 34 municípios


DA REDAÇÃO - Mais de 10 mil jovens mineiros iniciaram nesta segunda-feira (1º), inclusive em quatro cidades da região – Ipatinga, Coronel Fabriciano, Timóteo e Governador Valadares - os cursos gratuitos do Programa de Educação Profissional (PEP) oferecido pelo Governo de Minas.



O PEP oferece 1.653 vagas para cursos nos municípios de Coronel Fabriciano, Ipatinga e Timóteo. Em Governador Valadares, são mais 329 vagas para cursos como gestão empresarial e de negócios, eletroeletrônica, eletromecânica, nutrição e dietética, informática e farmácia.



Em Ipatinga são 813 vagas para os cursos técnicos em edificações, geomensor (topografia), eletrotécnica, instrumentação, mecânica, informática, química, farmácia, segurança do trabalho e enfermagem.



Para Coronel Fabriciano, são 300 vagas nos cursos técnicos de gestão empresarial e de negócios, informática, farmácia e segurança do trabalho.

Já em Timóteo, são 540 vagas para os cursos técnicos em contabilidade, eletrotécnica, instrumentação, metalurgia, informática e meio ambiente.



O programa vai atender 43 mil alunos aprovados no processo seletivo. Esses alunos estão matriculados no 2º e 3º anos do ensino médio da rede estadual ou já concluíram o ensino médio em qualquer rede de ensino e têm idade entre 18 e 24 anos. Durante visita aos laboratórios de Hotelaria e Enfermagem, em Belo Horizonte, o vice-governador Antonio Anastasia afirmou que o PEP representa a melhoria da qualificação da mão-de-obra.



 “É difícil mensurar a importância de programas do Estado, mas acredito que o PEP certamente está entre os mais importantes projetos em ação no atual Governo.



 Estamos lançando mais uma etapa, superando as metas de 2008 e vamos expandir ainda mais em 2009 e 2010. Estamos preparando mão-de-obra qualificada de jovens mineiros para empregos que estão sendo gerados aqui em Minas Gerais”, disse.

 

Até 2010, o Estado tem como meta criar oportunidade de formação técnica para 110 mil jovens. “Nesse momento Minas Gerais vive um grande ciclo virtuoso da nossa economia com um boom de empresas, empregos em várias áreas, não só siderúrgicas, mas o agronegócio, serviços, indústrias de um modo geral. É fundamental termos mão-de-obra qualificada para isso. Notávamos que havia uma deficiência nessa área e por isso esse projeto, muito aplaudido e que está em franca expansão”, garantiu.



Com as novas vagas do PEP, 43.143 jovens estão matriculados em um curso profissionalizante gratuito esse ano, ultrapassando a meta para 2008, que era de 36,6 mil estudantes. O custo médio por aluno durante todo o curso é de R$ 3.640,00 e a duração do curso pode variar de 12 a 34 meses. Em 2008, o Estado está investindo R$ 83,6 milhões no PEP.



Para a secretária de Estado de Educação, Vanessa Guimarães Pinto, o objetivo é disponibilizar rapidamente às empresas, estudantes com formação profissional para ingresso no mercado de trabalho oriundos das escolas de todas as redes – estadual, municipal, federal e privada.



 A secretária explicou que os cursos ministrados pelas instituições parceiras, incluindo a freqüência e o desempenho dos alunos, são acompanhados e controlados pela SEE, gestora do programa e que define as metas e os resultados. As instituições privadas são selecionadas através de edital e atualmente o PEP é oferecido em 67 instituições de 84 municípios, somadas as duas edições.



Segundo Vanessa, a taxa de evasão da primeira edição atingiu 2%, mas pode subir no segundo semestre. “Existe demanda por técnicos mesmo antes de eles concluírem os cursos, isso tem impactado um pouco, mas não devem ultrapassar 10% em 2008”, disse.  Mais de 57 mil adolescentes e jovens se inscreveram para concorrer a uma das vagas do PEP dessa segunda edição, que beneficia 34 cidades no Estado.

 

As formações mais procuradas



O PEP oferece cursos nos municípios com mais de 30 mil habitantes. O curso mais concorrido em todo o Estado foi o de Técnico em Informática do município de Governador Valadares, no Leste de Minas. Foram 38 candidatos por vaga, mais disputado que o vestibular 2008 para o curso superior de medicina da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), que teve 31,98 candidatos/vaga.



No município de Ipatinga, no Vale do Aço, 28 candidatos disputaram cada uma das vagas do curso Técnico em Segurança do Trabalho. Já em Uberlândia, no Triângulo, a relação candidato por vaga é de 20,5 para o curso Técnico em Segurança do Trabalho.



Em Belo Horizonte, o curso mais concorrido foi o de Técnico em Informática, com 30 candidatos por vaga, seguido pelos cursos técnicos em Estética, com 18, Nutrição e Dietética, com 15, e Técnico em Mineração, com 14 candidatos/vaga.





Os cursos oferecidos no Vale do Aço



CIDADE    VAGAS    ESPECIALIDADES



Ipatinga    813    Edificações, geomensor (topografia), eletrotécnica, instrumentação, mecânica, informática, química, farmácia, segurança do trabalho e enfermagem

 

Coronel Fabriciano    300    Gestão empresarial e de negócios, informática, farmácia e segurança do trabalho

 

Timóteo    540    Contabilidade, eletrotécnica, instrumentação, metalurgia, informática e meio ambiente





Municípios beneficiados nesta fase



Almenara

Araxá

Barão de Cocais

Barbacena

Belo Horizonte

Belo Oriente

Betim

Boa Esperança

Capelinha

Conselheiro Lafaiete

Coronel Fabriciano

Curvelo

Formiga

Governador Valadares

Ipatinga

Itabira

Ituiutaba

Iturama

Jaíba

Janaúba

Januária

Juiz de Fora

Mariana

Ouro Branco

Ouro Preto

Paracatu

Pirapora

Piumhi

Poços de Caldas

São João Del Rei

Timóteo

Uberaba

Uberlândia

Viçosa


 

Mais noticias do caderno Cidades
01/10/2014
17:13
MPE de olho em “fanfarrões” no dia da eleição

IPATINGA – Bastante comum em dias de eleições, crimes como o “boca de urna”, “voo da madrugada” e compra de votos serão coibidos pelo Ministério Público Eleitoral (MPE) na região.
 
30/09/2014
00:08
Troca-troca de Rosângela gera insatisfação

O troca-troca de partidos deixa muitos políticos em situação difícil, tendo em vista as alianças e composições feitas em período eleitoral.
 
00:00
Transtornos e risco de desabamentos no Nova Esperança

IPATINGA – As fortes chuvas que caíram sobre o município em dezembro de 2010 formaram uma inconveniente cratera na rua 6, em frente à residência de nº 200, no bairro Nova Esperança.
 
29/09/2014
15:08
Primavera será marcada por tempestades rápidas e intensas

DA REDAÇÃO - Neste ano, a primavera começou oficialmente às 23h29 do dia 22 de setembro.
 
28/09/2014
21:55
Ipatinga espera ter 20 câmeras no Centro e mais 32 na cidade

IPATINGA – No último dia 18, a Fundação Guimarães Rosa – que implantou 43 câmeras do sistema Olho Vivo em Ipatinga – recolheu a última parte dos equipamentos que ainda restava na cidade, após vencer uma queda de braço com a Prefeitura na Justiça.
 
00:00
Fernando Pimentel permitiu que Minas perdesse grandes investimentos

DA REDAÇÃO – Minas Gerais é um Estado promissor.
 
27/09/2014
17:06
Ipatinga concorre ao Prêmio Cidades Sustentáveis

IPATINGA - Ipatinga está entre as cidades brasileiras que participam da disputa do Prêmio Cidades Sustentáveis 2014.
 
16:53
HMC vai às ruas para falar sobre doação de órgãos

IPATINGA - Contar com um gesto voluntário e de solidariedade para viver mais e melhor.
 
13:17
Ley do Trânsito e Irmão Nelson falam de suas propostas na OAB

IPATINGA - Na noite de quinta-feira foi a vez dos candidatos a deputado estadual Ley do Trânsito (PSD) e irmão Nelson (PSL), deputado federal, participarem das entrevistas com os advogados da 72ª Subseção da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB Ipatinga) e seus convidados.
 
26/09/2014
16:45
Rômel assume presidência interina da Usiminas

Como resultado do embate existente entre o Grupo Nippon e a Ternium, o presidente da Usiminas, Julián Eguren, foi demitido do cargo, nesta sexta-feira, em decisão tomada pelo conselho de administração da companhia.